quarta-feira, 21 de outubro de 2009

CASTIDADE


(FOTO DA STEELWERKS EXTREME)
A dominação feminina, castidade forçada e a inversão de papéis são as formas mais eficazes e conhecidas de controle e manipulação da sexualidade, desejo e também de outros aspectos (psicológicos, hormonais, comportamentais, financeiros e sociais) masculinos. Homens castos não são criaturas amarguradas, sem iniciativa, muito pelo contrário são bem dispostos, cheios de energia, felizes, realizados e maravilhosos.
Claro que eles sofrem bastante, não vou negar isso, principalmente no início e durante a fase de adaptação ao terrível e desconfortável cueca de aço. No entanto, o sofrimento deles purifica, transforma e se justifica nos benefícios que a própria castidade traz ao casal (principalmente à mulher). Além do mais, acredito que todo sofrimento masculino é necessário, mas nunca o suficiente e nem em demasia quando proporciona satisfação feminina.
Enquanto casto, o sofrimento masculino originado pelo desejo inalcançável de alívio sexual nunca termina, pelo contrário, assim como o desconforto, tende a aumentar à medida que o tempo passa em um processo infinito. Rapidamente o sofrimento do homem se converte em agonia, frustração, dor e desespero. Calma! Não é crueldade e ele não vai morrer...
Se manipulado corretamente, toda essa frustração e energia sexual reprimida podem te proporcionar controle, regalias e prazeres indescritíveis. Mas se e somente se você souber entender as necessidades, limitações e angústias dele e usá-las para conseguir manipular e se aproveitar. Por isso mesmo, as mulheres Dominadoras ou não precisam assumir um papel mais vigoroso e demonstrar que estão no comando para ficar. Como disse, todo sofrimento masculino é válido se traz prazer e tranqüilidade para a mulher.
Depois do terrível período de adaptação, os homens castos aprendem a se manter “puros” em pensamento, saudáveis, livres de masturbação por períodos arbitrariamente longos. Frustrados, aprendem a conviver muito bem com as dificuldades, rigores e requisitos da castidade forçada, tornando-se a cada dia fervorosamente envolvidos com suas parceiras. Os homens quando se tornam castos mudam completamente de atitude e transformados pelo cinto de castidade se tornam absolutamente fiéis, cada vez mais submissos e comprometidos com as respectivas parceiras. Adeus preguiça, mentiras e traições! O cinto de castidade masculino liquida qualquer chance de traição, até mesmo em pensamento, pois uma ereção não autorizada pode ser extremamente dolorosa!
Logo, o cinto de castidade deve estar sempre trancado, deve ser justo, discreto e feito de aço ou de materiais resistentes para evitar fugas ou outros atos desesperados. Os homens não precisam ser fortes, mas seu cinto de castidade sim! A única forma de retirá-los deve s+er através do consentimento feminino, portando deve se dar através do uso das chaves que estão em poder das companheiras. Claro, as chaves sempre devem ficar em poder das mulheres. E às mulheres, as poderosas donas das chaves que libertam os homens de seu tormento de abstinência sexual, competem à decisão de permitir uma ereção ou orgasmo masculino. O poder está com elas...
Mas eu afirmo, use o poder que a chave te confere! Deixe-o implorando para gozar, babando de tesão. Faça-o te obedecer como um caãozinho... Use o gozo dele para seu próprio proveito e prazer! Mas lembre-se, goze o quanto quiser, ele deve permanecer casto, não você! Não é maldade, você é superior e ele deve se sacrificar por teu prazer... Então, sem culpas, se realize plenamente e se divirta a valer. Mande-o usar a língua ao invés do pênis. Ele deve ser criativo e persistente para conseguir atender todas as tuas necessidades sem usar o pênis e nunca pode te aborrecer ou desobedecer a não ser que queira permanecer casto por um período extra. Dê ordens, deixe-o ajoelhado, chute, bata, maltrate, humilhe, castigue, mas não ceda, seja firme e aprenda a dizer NÃO! As chaves do cinto de castidade são tuas, não pertencem a ele ou a mais ninguém! O poder só é teu, não desperdice essa chance de dominar.




Em casos extremos de necessidade de ejaculacao,deve-se utilizar da prática do milking via estímulo da próstata (via anal)...desta forma ,ocorre a ejaculacao ,porém sem o orgasmo oque mantém o controle total sobre sobre escravo.
A castidade masculina desenvolve a percepção que as mulheres precisam estar satisfeitas em todos os aspectos, independentemente de local, hora ou situação e que elas são seres especiais, muito superiores aos homens que nasceram e existem unicamente para servir, por isso devem permanecer castos o máximo de tempo possível.




observações do escravo admirador {bruno}


COMPLEMENTO: AQUI SEGUE UM SITE COM TODOS OS MODELOS DISPONÍVEIS NO MERCADO



HELENA

9 comentários:

  1. a SRA sabe onde adquirir cinto de castidade?
    add a SRA. no orkut, poderia responder por lá.

    escravo mini

    ResponderExcluir
  2. MINI,

    SEI SIM, E EM BREVE VOU POSTAR UMA LISTA DE TODOS OS MODELOS E URLS DA NET.

    MAIS CONHECIDO O CB4000 QUE PODE COMPRAR ATÉNO MERCADO LIVRE.

    HELENA

    ResponderExcluir
  3. sra. para servila a sra. exige castidade?

    mini

    ResponderExcluir
  4. NÃO EXIGO, DE FATO E UM FETICHE ESPECIFICO QUE TRATO COM CADA SUB SEPARADAMENTE DA FORMA QUE ELE MERECE E AGUENTA. DE QUALQUER FORMA, CADA UM DELES TEM SEU CINTO DE CASTIDADE PROPRIO.

    HELENA

    ResponderExcluir
  5. Minha solução para o CB6000 onde era possivél puxar o pinto fora!

    www.straponmale.xpg.com.br/cb.html

    ResponderExcluir
  6. Trouxemos para o Brasil, além do CB-6000 e acessórios a preço acessível, um modelo exclusivo em aço: The Bird Cage.

    ResponderExcluir
  7. A melhor maneira de evitar a ejaculação precoce é controlar a ereção precoce. Isso deve ser controlado de perto pela Domme. Concordam?

    ResponderExcluir
  8. Chegou ao Brasil o CB-6000s, a variante “mini” do CB-6000.

    ResponderExcluir
  9. Bom dia!
    A mulher que usa tonozeleira no pé esquerdo é domme? e quaando usa uma corrente no pescoço com uma chave ? alguém saberia dizer?

    ResponderExcluir